domingo, 31 de outubro de 2010

Edmontossauro




O Edmontossauro, cuja nomeação tem como significado "Lagarto de Edmontom", referente ao local onde fora desenterrado, foi um animal herbívoro semi-bípede pertencente ao grupo dos Ornitópodes, os famigerados "Bicos-de-pato" e era contituido por 3 espécies: "Edmontosaurus regalis, Edmontosaurus annectens e Edmontosaurus saskatchewanensis".



Media aproximadamente 12 metros de comprimento, e 4 metros na altura da coluna, que era de leve posicionada diagonalmente para cima, quando andava sobre quatro patas. Ocasionalmente andava sobre duas patas, também, e mesmo em pé, devido a sua postura corcunda, continuava na faixa de 4 metros. Possuía um bico revestido de queratina, contendo ao fundo cerca de 1300 minúsculos dentes, para sua alimentação, rica em folhas, frutas e sementes.



Vivam em grandes manadas nômades, constituindo de centenas de membros ou mais Após atingir a fase adulta, ele era expulso de seu bando para formar o seu próprio coletivo, e isto ajudava bastante a povoar os locais e ir se expandido. Porém, enfrentavam fortes problemas com predadores, tais como Dromeossauros e Tiranossauros, dois exímios caçadores de sua época.

Ao julgar pela dócil aparência, era de se imaginar que eram indefesos, no entanto, quando os cientistas examinaram seus ossos, viram que se tratava do contrário. Seu esqueleto era grande e resistente, e a pele era dura e grossa com até 8 cm de espessura, tanto é que foram encontradas impressões fossilizadas de pele. Além do corpo forte, o Edmontossauro contava com uma cauda de 7 metros de comprimento que, por sua vez, era poderosa e capaz de fazer um pequeno carro rolar. Possuía tamanho, um preparo físico melhor que os de seus primos antigos, Tenontossauro e Maiassauro, e a proteção de um bando. Tomografias computadorizadas no crânio do Edmontossauro, sugerem que ele podia emitir sons, vindos de seu saco nasal, isso poderia servir de comunicação com seus semelhantes, para casos de ataque, rituais de acasalamento, quem sabe. Não eram tão inteligentes, entretanto, eram o suficiente para ter um desempenho de sobrevivência considerável.



Informações do dinossauro

Nome: Edmontossauro.
Nome cientifico: Edmontosaurus regalis, Edmontosaurus annectens e Edmontosaurus saskatchewenensis.
Tamanho: Cerca de 12 metros de comprimento e 4 metros de altura.
Peso: Cerca de 4 toneladas.
Local: América do Norte.
Época: Cretáceo.
Alimentação: Herbívora.
Grupo: Ornitópode.
Família: Hadrosauridae.

















sábado, 30 de outubro de 2010

Velociraptor














































O Velociraptor cujo nome significa "Ladrão veloz". Ele recebeu esse nome porque ele era muito veloz e porque ele era um ladrão, um ladrão de vidas hahahahahahahahaha. O Velociraptor foi um dos mais famosos dinossauros que já existiram, ele participou da trilogia Jurassic Park e ganhou muito sucesso. O Velociraptor vivia em bandos de 5 à 20 animais que era a quantidade perfeita de caçadores que podia matar qualquer coisa que atravessasse seu caminho sendo que os Velociraptors caçavam em bandos pela mesma rasão dos Deinonychus e Dromeossauros caçarem também. E se você não sabe porque os Velociraptors caçavam em bandos então eu vou explicar:

1º Os Velociraptors eram fracos demais para abater dinossauros como o Anquilossauro por exemplo. Precisaria se mais de um para matalo.

2º Um Velociraptor sozinho pode caçar herbívoros mas só os menores como o Protoceratops. Mas como o Velociraptor comia bastante, então os Velociraptors tinha que devorar os maiores dinossauros da região onde viveu, e por isso ele precisaria de reforços.

3º O Velociraptor era rápido, e por isso ele podia morder os dinossauros que viviam por perto e se afastando para evitar que se machucasse e depois atacaria denovo fazendo isso várias vezes porque eles eram espertos. Mas se o Velociraptor fosse atingido ele morreria em pouco tempo porque seu esqueleto era frágil, fino e leve demais para suportar golpes e pra isso ele tinha que ter um bando.

4º O Velociraptor não era um otário, ele mataria e comeria qualquer dinossauro um de cada vez com o seu bando para não morrer de fome. E pra ele abater herbívoros bem maiores ele tinha que caçar em grupo.
Esse é o motivo deles caçarem em bandos. Os Velociraptors eram muito inteligentes, eles falavam entre si, faziam sons e ruídos estranhos para confundir sua presa antes do ataque, faziam estratégias, e eram bem silenciosos e cuidadosos e depois atacava como se não comesse a dias. Os Velociraptors eram mais inteligentes que os golfinhos, baleias e mais inteligente até que os primatas. Mas o Velociraptor não era o dinossauro mais inteligente do universo, era o Trodonte. O Velociraptor não era como o de Jurassic Park, Muita gente entram no meu blog e por isso não dá pra ver uma postagem antiga mas vou dizer nessa aqui também. Muita gente já assistiu o filme Jurassic Park e viram o Velociraptor e começaram a pensar que o Velociraptor e foram acreditando nisso. Eles acreditaram tanto nisso que fizeram desenhos que eram igualzinhos ao Velociraptor de Jurassic Park, fizeram jogos, Livros, e até filmes. Mas na verdade o Velociraptor era bem pequeno, menor até que uma criança, o Velociraptor era do tamanho de um peru, e ele possuía o corpo cheio de penas. Surpreso, não?
Eu sabia. Você que leu essa postagem está sabendo um pouco mais sobre os dinossauros, especialmente o Velociraptor.



Informações do dinossauro

Nome: Velociraptor.

Nome cientifico: Velociraptor Mongoliensis.

Tamanho: Cerca de 1,80 de comprimento e 76 centímetros de altura.

Peso: Cerca de 80 quilos.

Local: Mongólia.

Época: Há aproximadamente 80 milhões de anos atrás no período Cretáceo.

Alimentação: Carnívora.

Família: Dromaeosauridae.


















Sauroposeidon




Sauroposeidon, cujo nome significa "Lagarto poseidon", referente ao deus grego dos mares, foi sem dúvida um dos maiores saurópodes que já existiram. Não era tão longo quanto o Seismossauro ou o Argentinossauro, no entanto, era mais alto, aliás, o mais alto encontrado até agora, com seus incríveis 20 metros de altura e 60 toneladas, o mesmo que 12 elefantes. Assemelhava-se bastante com o famoso Braquiossauro, porém, era proporcionalmente mais esguio, já que seus ossos eram porosos e finos em alguns lugares, e o seu corpo não era muito maior, implicando que a diferença de peso era também pequena, com cerca de 10 toneladas a mais, apenas. O que destacava em relação ao seu primo, e também, o motivo da imensa altura, era o grande pescoço, de até 11,5 metros, contra os 8m de pescoço do Braquiossauro, um comprimento bem impressionante, que rivalizava contra o do Mamenchissauro e Superssauro. Ele devia ter sacos de ar em torno da garganta para deixar o pescoço ainda mais leve, caso contrário ele não poderia levantá-lo até árvores mais altas. Devia passar 3/4 de seu tempo comendo uma tonelada de suas folhas, apesar da quantidade que ingeria, não seria o bastante para tornar o animal ágil.


Foi encontrado em 1994, no município de Otaka em Oklahoma, EUA, tinha vértebras de 1,4 metros de comprimento,




Informações do dinossauro

Nome: Sauroposeidon.
Nome cientifico: Sauroposeidon protelus.
Tamanho: 30 metros de comprimento e 20 metros de altura.
Peso: 60 toneladas.
Local: América do Norte.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Herbívora.
Família: Brachiosauridae.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Pinacossauro
















Pinacossauro, cujo nome significa "Lagarto de prancha". Ele recebeu esse nome devido ao formato da couraça que ficava nas suas costas. O Pinacossauro foi uma espécie de dinossauro que pertenceu a família dos Anquilossaurídeos. Possuía uma boca cheica de dentes pequenos e  frágeis que se quebrariam facilmente, então ele teria que se alimentar das plantas mais macias como as samambaias por exemplo. E os dentes ficavam no fundo da boca enquanto na frente não tinha nada naquele bico. Para ajudar na sua indigestão, os Pinacossauros engoliam pedras junto com as folhas. O Pinacossauro respirava muito bem e fácil. Isso porque eu seu nariz havia numerosos ossos finos e curvos. Essas fossas nasais revestidas por membranas provavelmente o ajudaria a respirar melhor para aquecer, filtrar e umedecer o ar que percorria essas fossas. Os Pinacossauros tinham algum tipo de couraça que servia como escudo para se proteger de dinossauros carnívoros como o Alectrossauro por exemplo. Mas o Pinacossauro não só se protegia como se defendia com uma clava dura que ficava na ponta de seu rabo para ele usar como arma cada vez que ela balançava de um lado para o outro pra que o inimigo não possa abatelo já que ele sabia do que o Pinacossauro era capaz. Porém o Pinacossauro tinha um ponto fraco, a sua barriga. A barriga do Pinacossauro não tinha nenhuma proteção, e por isso se algum dinossauro carnívoro o golpeasse o empurrando após o Pinacossauro se confundir caso o predador seja meio inteligente, aí o Pinacossauro ficaria deitado de barriga para cima e o seu atacante poderia morder a base da cauda, ou no meio da barriga ou bem nas veias de seu pescoço frágil matando ele. Mas o Pinacossauro não deixaria isso acontecer, com a força que ele tinha para suportar o peso de sua couraça pesada, ele poderia balançar o seu rabo fazendo com que ele aumente de peso com a velocidade que balança por causa dos musculos causando uma dor insuportável que se o Pinacossauro atingisse a lateral da barriga de um predador, esse golpe não só causaria muita dor e sangramento como machucaria seus órgãos internos fazendo com que o inimigo morreria em poucos minutos ou segundos



Informações do dinossauro



Nome: Pinacossauro.



Nome cientifico: Pinacosaurus grangeri.



Tamanho: Cerca de 5,50 de comprimento e 1,50 de altura.



Peso: Cerca de 1.500 quilos.



Local: Àsia.



Época: Fim do Cretáceo.



Alimentação: Herbívora.



Família: Ankylosauridae.
Fonte: Isso tá tudo misturado. Parte é da AVPH, outra é do Blog Tempo Dos dinossauros http://tempodosdinossauros.blogspot.com/ e o resto é por conhecimento próprio. 10% AVPH, 25% o blog do meu amigo Tirano Sauro Rex, e 65% tudo que sei sobre o Pinacossauro.

domingo, 24 de outubro de 2010

Utahraptor



O Utahraptor, cujo nome significa "Ladrão de Utah", local onde foi descoberto, em 1993, é até o momento o maior raptor já encontrado, seu tamanho era incomum entre os dromessaurídeos, atingindo 6 metros de comprimento e 2 metros de altura, o porte equivalente a um de um abelissauridae. Não só era maior que os outros raptores como também era mais cruel e ameaçador. Surgiu no início do período Cretáceo, há 14



Os raptores são conhecidos por sua grande inteligência, agilidade e trabalho em equipe. Caçam em grandes bandos para abater presas bem maiores do que eles, emboscam, perseguem, são basicamente os caçadores mais eficazes que se podia imaginar. Eles normalmente dependiam do grupo, por serem fracos individualmente, e é aí que o Utahraptor se diferencia. Os utahraptores eram mais parrudos, acima do padrão, perdiam um pouco em agilidade que seus primos, mas venciam em força e resistência, necessitando de bandos menores e sendo capazes de se defender até mesmo sozinhos. Com meia tonelada de musculatura, e garras em forma de gancho com até 25 centímetros de comprimento, esses predadores capturavam e perfuravam facilmente as vítimas, condenadas a morrer por graves hemorragias.



Informações do dinossauro

Nome: Utahraptor.
Nome cientifico: Utahraptor ostrommaydisorum.
Tamanho: 7 metros de comprimento e 2 metros de altura.
Peso: Cerca de 500 quilos.
Local: América do Norte.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Carnívora
Grupo: Terópode.
Familia: Dromaeosaurídae.


Fonte: AVPH.

Giganotossauro















Giganotossauro, cujo nome significa "Lagarto gigante do sul". Ele foi batizado com esse nome por ser um terópode gigante e porque ele ele viveu na América do Sul. Viveu há aproximadamente 97 milhões de anos atrás durante o período Cretáceo na Patagônia Argentina.

O Giganotossauro costumava caçar os Argentinossauros. Andava em territórios brasileiros, e o Giganotossauro quase não tinha inimigos naturais, provavelmente os Giganotossauros eram territoriais, e como eram enormes deveriam precisar de grande quantidade de comida, e seus territórios então seriam enormes. Suas mandibulas eram também enormes e seu crânio era um dos maiores, com 1,60 a 1,90 de comprimento, seus dentes tinham 15 centímetros de comprimento, sendo curvos e afiados o que é um indicio de que eles eram utilizados para morder algo vivo, que ao se debater e tentar escapar acabaria indo mais para dentro da boca do predador, mas certamente o Giganotossauro não negaria refeição já morta em putrefação, agindo também como carniceiro. O Giganotossauro foi nomeado Ruben Carolini, um caçador de fósseis amador que o descobriu em 1995 próximo ao Rio Limay, na Pagônia, Argentina. A descoberta foi anunciada por Rodolfo Coria e Leonardo Salgado na revista Nature em 1995. O esqueleto de uma das espécies estava 70% completo e incluía o crânio, a pélvis, os ossos do pé, e a maioria da espinha dorsal do animal. O Giganotossauro pertencia a família Carcharodontosauridae. Nessa família incluía o Carcharodontossauro, Mapussauro, Tyrannotitan, Giganotossauro, etc. O Giganotossauro começou a ser famoso no mundo inteiro após participar de um Jogo de PS1 que se chama Dino Crisis 2. Nesse jogo o Giganotossauro é o último chfão, o mestrão. Quando ele aparece no final do jogo, ele luta contra o rei dos dinossauros, o Tiranossauro Rex. Mas quem ganha, infelismente é o Giganotossauro. O Giganotossauro do jogo é muito poderoso mas o real também é. Vocês querem saber como foi a luta né? Eu sabia. Ela foi assim:




Na 6º Fase, a penúltima, Regina

Informações do dinossauro


Nome: Giganotossauro.
Nome cientifico: Giganotosaurus carolinii.
Tamanho: 13 metros de comprimento e 5 metros de altura.
Peso: 8 toneladas.
Local: América do Sul.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Carnívora.
Grupo: Terópode.
Família: Carcharodontosauridae.












Fonte: AVPH




sábado, 23 de outubro de 2010

Deinonychus







O Deinonychus cujo nome significa "Garra terrível", homenagem "carinhosa" as suas garras, as suas principais armas . Eles são uma prova de que tamanho não é documento, eles compensavam seu corpo frágil com bastante velocidade, agilidade, astúcia e ferocidade. Com um bando reunido, e uma inteligência digna de um raptor, conseguiam matar dinossauros bem maiores, tais como o Tenontossauro.

Corriam pelo menos a 60 km/h, suficientemente velozes para alcançar qualquer herbívoro que tentasse fugir, e suficientemente letais para matar qualquer herbívoro que tentasse se defender. Tinham garras de 12,5 centímetros em formas de foice, e muitos dentes afiados para rasgar carne.



Informações do dinossauro
Nome: Deinonychus.
Nome cientifico: Deinonychus Antirrhopus.
Tamanho: 3 metros de comprimento e 1,50 de altura.
Peso: Cerca de 75 quilos.
Local: América do norte.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Carnívora.
Família: Dromaeosauridae.













Argentinossauro










Argentinossauro, cujo nome significa "Réptil argentino de huincul" em homenagem a cidade onde foi encontrado. Foi sem dúvida um dos maiores dinossauros que já existiram e provavelmente o mais pesado de todos eles. Este gigantesco saurópode pertence a infra-ordem Neosauropoda, super-familia Titanosauroidea e a familia Andesauridae. Em 1987 o fazendeiro Guillermo Heredia encontrou em sua propriedade, na província de Neuquén, Argentina, enormes fósseis que inicialmente identificou como troncos pedrificados. Seu maior espando foi quando percebeu, mais tarde, que na verdade estava diante de ossos enormes fossilizados. Imediatamente ele chamou o paleontólogo Rodolfo Coria e sua equipe, no Museu Carmen Funes em Plaza Huincul, cidade da região da Patagônia, que reconheceram o material como sendo de um enorme dinossauro desconhecido. Em 1989 sua equipe começa a escavação que levou vários meses, e conseguiu retirar da rocha poucos fósseis de gigantescas proporções como vértebras, tibias, ossos da pélvis e algumas costelas, que demonstram desde o início que se tratavade um novo dinossauro, maior que a maioria já descobertos e com o auxilio do Dr. José Bonaparte, do Museu de Buenos Aires, ele fez um estudo que levou 4 anos para se concluir. Finalmente em 1993 foi anunciado ao mundo cientifico a nova espécie. Os Argentinossauros tinham vértebras muito rigidas. Sua flexibilidade foi sacrificada por causa do imenso peso. Eles viveram há aproximadamente 90 à 66 milhões de anos atrás, com maior intensidade de achados na Patagônia Argentina.

Punham ovos do tamanho de uma bola de futebol, isto é, nasciam desproporcialmente pequenos. Cientistas acreditam que aos 5 anos teria o tamanho de um pastor alemão, aos 15 teria o tamanho de um cavalo e só seriam adultos aos 50 anos.

Supõe-se que tivessem sangue frio, pois com o sangue quente, teriam que ingerir 5 ou 6 toneladas de folhas por dia, uma quantidade teoricamente impossivel para uma cabeça tão pequena. Mas com sangue frio necessitariam ingerir apenas 1 tonelada, mas isto é apenas uma teoria sobre os saurópodes e existem várias delas.

Informações do dinossauro

Nome: Argentinossauro.
Nome cientifico: Argentinosaurus huinculensis.
Tamanho: 45 metros de comprimento e 20 metros de altura.
Peso: 100 toneladas.
Local: América do Sul.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Herbívora.
Grupo: Saurópode
Família: Titanosauridae.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Ultrassauro











O Ultrassauro foi uma espécie de dinossauro herbívoro e quadrupede. Ele passava o dia inteiro comendo igual um louco, hahahahahaha. O Ultrassauro foi provavelmente um dos maiores dinossauros que já existiu. Ele era enorme comparado ao homem. Na primeira foto você vê o tamanho do Ultrassauro perto de um homem. E olha que o Ultrassauro não é o maior dinossauro que já existiu hein. Surpreso? Eu sabia. Na segunda foto mostra 2 sauropodes, o Ultrassauro é aquele marrom ali, o maiorzinho. E o outro que está de cor violeta é o Camarassauro. E as 2 últimas fotos mostram o Ultrassauro sozinho. Como podem ver o Ultrassauro é bem parecido com o Braquiossauro e o Sauroposeidon.
Informações do dinossauro
Nome: Ultrassauro.
Nome cientifico: Ultrasaurus Tabriensis.
Tamanho: 30 metros de comprimento e 18 metros de altura.
Peso: 90 toneladas.
Local: América do norte.
Época: Fim do período Jurássico.
Alimentação: Herbivora.
Família: Brachiosaurídae.

Braquiossauro


O Braquiossauro, foi um dos maiores dinossauros que já existiram, e também um dos mais famosos. É mais conhecido por sua épica aparição em Jurassic Park, quando ele surpreende a todos vagando e se alimentando das folhagens das árvores, onde se ergueu sobre duas patas para alcançar as partes mais altas. Embora tenha sido uma cena memorável, uma das melhores, ela é um tanto quanto fantasiosa, não por ter um Braquiossauro vivendo quando deveria estar extinto, mas sim em relação a parte onde ele ergue o próprio corpo. Tinha pernas bastante musculosas para suportar suas 50 toneladas de peso, só que não para levantar-se sobre duas putas, era pesado demais para tal façanha, além de que não seria necessário, pois era suficientemente alto para alcançar os picos de muitas árvores. Caso a proporção das pernas dianteiras e traseiras fossem trocadas, talvez conseguiria.



Seu nome significa "Lagarto braço", proveniente de sua peculiaridade, pois ao contrário de muitos outros saurópodes, aliás, qualquer animal quadrúpede, suas pernas dianteiras eram maiores que as traseiras, projetando sua coluna para cima, em vez de para baixo, e o pescoço voltado para cima. Também é exclusividade sua e de outras espécies de sua família, o pescoço bem erguido. Os saurópodes de um modo geral são vistos como dinossauros de pescoço longo que tinha uma postura como a da girafa e sempre alcançava as maiores árvores, entretanto, a maioria deles, como pode observar em diversas imagens e representações, mantinha o pescoço na horizontal, ou ligeiramente na vertical, sem erguer muito. Provavelmente por questões de respiração e circulação de sangue, eles a maior parte do tempo ficavam com os pescoços baixos, e desse jeito facilitaria seu metabolismo, e ficar forçando o pescoço para o alto os desgastariam. Os brachiosauridae's tinham diferenças na fisiologia que os permitiam constantemente erguer os pescoços, por isso, eram os tipos mais altos de saurópodes, mas não os mais compridos, já que suas caudas eram relativamente curtas.



Viveu há aproximadamente 144 milhões de anos atrás no período Jurássico, e media cerca de 23 metros de comprimento, o mesmo que uma quadra de tênis, e 15 metros de altura, o equivalente a um prédio de 6 andares. Só o seu pescoço tinha 8 metros, e o restante do corpo, 6 a 7 metros nos ombros, realmente um animal bem grande. Ele tinha um coração grande e forte que bombeava o sangue até o seu cérebro. Tinha mandíbulas fortes com dentes em formato de colher para arrancar todos os brotos da árvore e triturar seus alimentos, ingerindo cerca de 1500 kg de folhas e brotos por dia. Suas patas terminavam em dedos curtos e grossos, com garras largas e dobráveis à flexão dos músculos do pé, úteis para escavar o chão, afim de construir ninhos. Sob os ossos dos pés haviam uma espécie de enchimento que amortecia o impacto de seu imenso peso sobre as patas, coisas que elefantes também tem.



Alguns cientistas acreditavam que o Braquiossauro tivesse vários corações para bombear o volumoso corpo. Os fortes musculos do Braquiossauro, ao longo da coluna vertebral, serviam para manter a cabeça bem erguida. Devido ao seu peso, houve um tempo em que os cientistas pensavam que os Braquiossauros vivessem em rios e lagos, onde a água sustentaria seu peso. Eles achavam que suas patas afundariam no chão se ele andasse em terra firme. Como suas narinas ficavam no alto do crânio, ele poderia manter a cabeça à tona para respirar. Na água, este dino ficaria a salvo de ataques de carnívoros ferozes. Hoje em dia, porém, julga-se que o Braquiossauro vivia somente em terra, pois a pressão da água esmagaria suas costelas, comprimindo seus pulmões.



Informações do dinossauro

Nome: Braquiossauro.
Nome cientifico: Brachiosaurus Brancai, Brachiosaurus Altithorax.
Tamanho: 23 metros de comprimento e 15 metros de altura.
Peso: 50 toneladas.
Local: América do Norte e África.
Época: Período Jurássico.
Alimentação: Herbívora.
Grupo: Saurópode.
Família: Brachiosauridae.



domingo, 17 de outubro de 2010

Torossauro
























































Torossauro, cujo nome significa "Lagarto touro". O Torossauro foi encontrado pelo famoso paleontólogo Othiniel Charles March. O Torossauro tinha o maior crânio dentre todos os dinossauros e animais terrestres. O crânio do Torossauro media 3 metros e era muito forte e resistente dotados de 3 enormes chifres que serviam para se defender dos dinossauros carnívoros e para conquistar as fêmeas que eles escolhiam. Mas para conquistar a fêmea, os Torossauros machos teriam que lutar um contra o outro e a fêmea ficaria com o vencedor da luta, sendo que todos os torossauros tinham forças diferentes mesmo que sejam do mesmo tamanho, peso, idade, força, velocidade e inteligência, eles nunca são da mesma igualdade na hora de lutar. Os Torossauros eram Ceratopsídeos, ou seja dinossauros herbívoros e quadrúpedes com chifres na cabeça. Os Torossauros tinham algum tipo de escudo em volta do pescoço para evitar que outros carnívoros mordam seu pescoço que era o ponto mais frágil de seu corpo. Os Torossauros eram parentes do Triceratops e até hoje os cientistas não sabem ao certo se eles eram a mesma espécie mas eu acho que não eram. Como os Triceratops, os Torossauros viviam em manadas, eram caçados por grandes predadores como o Tiranossauro e também tinham uma chifrada muito muito forte que era fatal até pra um T-Rex. Sendo que os Tiranossauros eram muito resistentes, e mesmo assim o T-Rex morreria se levasse aquela chifrada. Os Torossauros eram bem musculosos. Eles precisavam de muita massa muscular para suportar o peso e tamanho de seu enorme crânio. O Torossauro viveu há cerca de 67 à 65 milhões de anos atrás do período Cretáceo.
Informações do dinossauro
Nome: Torossauro.
Nome cientifico: Torosaurus Latus.
Tamanho: 8 metros de comprimento e 2,50 de altura.
Peso: Cerca de 5 toneladas.
Local: América do Norte.
Época: Período Cretáceo.
Alimentação: Herbivora.
Família: Ceratopsidae.